O relógio está quebrado? Veja o que fazer

Categorias Destaque, Sem categoria
relógio quebrado

Na correria do a dia a dia, é comum nos depararmos com alguns pequenos problemas. Um deles é o relógio quebrado. O que fazer agora? Trocar por outro ou levar ao conserto? Veja nossas dicas e saiba o que vale a pena ou não trocar, além de orientações para evitar que isso aconteça. Boa leitura!

O que fazer com meu relógio quebrado?

Ter um relógio danificado não quer dizer que você já deva comprar outro e jogar esse no lixo. Dependendo do problema, uma simples visita a uma relojoaria pode ser a solução. Para outras, o processo pode ser mais trabalhoso.

Por exemplo, se somente a sua pulseira foi afetada, não há a necessidade do descarte do relógio. É só fazer a troca do acessório. Consulte a loja específica da marca do seu produto e escolha uma nova.

O mesmo acontece com os botões e ponteiros soltos. São as peças mais simples de serem trocadas. Relojoarias fazem esses reparos e trocas e, de acordo com o modelo do seu relógio, podem não cobrar tão caro assim.

O caso da bateria é um pouco mais específico. Elas precisam ser trocadas periodicamente, pois com o tempo acabam perdendo sua capacidade total e vida útil. No entanto, isso não demandará muito esforço. É só levar a um especialista ou loja especializada para substituí-las.

E quando não vale a pena levar ao conserto?

Vidro quebrado e problemas no mecanismo são situações que não valem a pena levar à manutenção. Além do custo ser mais elevado, o relógio não será mais como antes e poderá repetir o mesma falha tempos depois. Nesses casos, o ideal é comprar um novo produto e dar adeus ao seu antigo.

Como evitar possíveis problemas

Não há como proteger seu relógio de todas as falhas e problemas. O que você deve fazer é ter práticas que ofereçam segurança e conservação ao seu produto. Um relógio bem cuidado é capaz de durar por muitos anos e gerações.

Veja algumas dicas que podem evitar problemas e contribuir para o bom estado seu relógio.

  • Limpeza e manutenção regular: periodicamente, você deve levar o seu relógio para uma limpeza e manutenção. Esse hábito preventivo vai ajudar a identificar e corrigir possíveis falhas do aparelho e mantê-lo sempre livre de sujeiras e poeiras.
  • Longe de objetos magnéticos: deixe-o longe de qualquer aparelho que possa transmitir ondas magnéticas. Ou seja, o afaste de TVs, micro-ondas, computadores, entre outros.
  • Conheça as especificações do modelo: dica importantíssima. Isso vale principalmente para relógios que são à prova e resistentes à água, no qual há uma grande diferença. Enquanto os modelos à prova permitem o contato com piscinas, fazer mergulhos e tomar banho, os resistentes toleram somente alguns pingos de água.

Lembre-se de ler o manual do seu relógio e ver se há essa informação nele antes de sair por aí o utilizando de                qualquer maneira.

  • Caixa protetora: relógios novos costumam vir acompanhados de caixas protetoras. Não as jogue fora, pois elas são extremamente necessárias para proteção de sujeiras, riscos e exposição ao calor. Se você não tem, procure uma loja especializada e adquira uma.
  • Mantenha a temperatura: como para a maioria das joias, deixá-las expostas ao sol e em altas temperaturas pode ser um grande perigo. Além de possíveis corrosões e descasques no material, as chances de problemas e falhas nos mecanismos é gigante.

 

Leia também:

 

2 ideias sobre “O relógio está quebrado? Veja o que fazer

  1. Olá,bom dia!
    Tenho um invicta 0478 com a coroa emperrada (travada),vidro trincado e pulseira solta.
    Não estou conseguindo concerto dele pelo fato de só aceitar se for assistência técnica autorizada para que tenha certeza absoluta de que meu relógio vai estar em boas mãos e com peças de substituição otiginais.
    Alguma indicação?

    1. Olá, Mauricio! Tudo bem?

      Temos duas alternativas: se o seu relógio foi comprado na Invicta Brazil, junto à nota fiscal, ligue para (11) 98787-4457 ou
      (11) 4118-6233. Agora, se comprou em outro lugar é preciso contatar a Space Watch, pelos números (11) 2476-3754 ou (11) 95166-0379. Nesse caso, provavelmente o reparo será cobrado.

      Esperamos ter ajudado e, de qualquer forma, agradecemos pelo contato!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *